OKTOPUS
 
logo_oktopus_branco.png
 
 

a storytelling lab

 

Somos um laboratório apaixonado por histórias reais. Nossa especialidade é produzir documentários e séries para todo tipo de mídia. 

quem somos

 

L1000530.jpg

A Oktopus Filmes é formada por cineastas, fotógrafos e jornalistas premiados com mais de 15 anos de imagens consagradas, textos cativantes e retratos poéticos pelos cinco continentes, das montanhas nevadas ao deserto: o natural e o humano.

 
premio esso 2004.png
premio africa brasil 2010.png
premio camelia 2013.png
premio socal 2014.png
premio esso 2005.png
premio webber 2011.png
premio save afrika 2013.png
premio exxon 2015.png
premio fatu foto 2007.png
premio anamatra 2012.png
premio esso 2014.png
premio herzog 2015.png
premio fatu filme 2007.png
premio esso 2012.png
premio cnt 2014.png
premio maui 2018.png
premio herzog 2008.png
premio oab 2013.png
premio badaro 2014.png
premio riff 2018.png
 
 
renato_dilago.jpg

RENATO DILAGO

Diretor | Roteirista

Documentarista e jornalista pós-graduado pela Universidade de Navarra, na Espanha. Antes de criar conteúdo independente, atuou como executivo e diretor de documentários em grandes emissoras de TV do Brasil por mais de quinze anos, tendo dirigido dezenas de temas em lugares como Egito, Israel, Alemanha, México, Chile, Inglaterra, Holanda, entre outros. Cobriu a Guerra Civil no Haiti, a Eurocopa na Áustria, além de ter produzido séries sobre a realidade nacional. Dirigiu três documentários Finalistas do Prêmio Esso, o mais importante do país, com destaque para denúncias sobre garimpos ilegais no Norte e minas de carvão no Sul. Também é roteirista e co-diretor de Futaleufu - a River Calling, filme que entrou para a seleção oficial do Festival RIFF 2018, na Itália.

markus_pata.jpg

MARKUS BRUNO

Diretor de Fotografia

Markus Bruno é um premiado diretor de fotografia e repórter cinematográfico. Em 2004, fundou a produtora independente Baboon Filmes, onde produziu mais de 140 documentários e reportagens especiais em parceria com grandes organizações de mídia como HBO Brasil, Rede Record, CPFL Cultura, TV Brasil, Rede Globo, Itaú Cultural, MTV Brasil, UNICEF, ESPN, RYOT News e Huffington Post. Recebeu mais de 15 prêmios das mais respeitadas instituições do pais como o Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos, Prêmio ESSO, Prêmio Líbero Badaró, Prêmio CNT de Jornalismo, Prêmio Camélia da Liberdade entre outros. Cobriu conflitos no Afeganistão com o Exército norte-americano, revelou o tráfico de crianças no Camboja e, durante um ano, percorreu o continente africano na também premiada série de 32 episódios Nova África. Dono de imagens orgânicas, com movimentos que registram o olhar humano de forma natural e elegante, é co-diretor de FUTALEUFU – a river calling, doc selecionado pelo Festival Italiano RIFF, em que assina ainda a direção de fotografia.

jessica_nolte.jpg

JESSICA NOLTE

Produtora Executiva | Fotógrafa

Fotógrafa, documentarista e cineasta formada pela FAAP. Por quase uma década, produziu e fotografou mais de 20 documentários ao redor do mundo para grandes emissoras de TV pela premiada produtora Baboon Filmes. Esteve durante um mês na Mongólia registrando a vida dos nômades. Na Bolívia, denunciou o trabalho escravo nas minas de prata de Potosí, série finalista do Prêmio ESSO de Jornalismo 2012, e que também recebeu duas menções honrosas: uma no Prêmio de Direitos Humanos ANAMATRA e outra por sua fotografia ‘Silver Widows’, no Prêmio de Fotografia Latino Americano. Em Uganda, revelou o sacrifício de crianças para rituais de magia negra, com o qual também foi finalista no Prêmio ESSO. Sua fotografia transita entre o clique poético e ao mesmo tempo investigativo, compondo a narrativa documental e tendo servido a clientes como Bloomberg e Deutsche Presse. Também é co-diretora e produtora executiva de FUTALEUFU – a river calling, documentário selecionado no Festival italiano de Cinema RIFF 2018.

denise_odorissi.jpg

DENISE ODORISSI

Diretora de Produção

Jornalista com quase duas décadas de experiência em TV, construiu a carreira nas principais emissoras do Brasil como repórter e produtora de diversas coberturas de grande repercussão, destacando-se os deslizamentos na região serrana do Rio de Janeiro, o atirador da escola do Realengo e as manifestações políticas de 2013, em São Paulo. Viajou pelo país gravando documentários em locais como a floresta amazônica e reportagens investigativas, tornando-se especialista na pesquisa de temas delicados e na essência de um doc: a grande entrevista. Essa trajetória qualificou Odorissi a conquistar a confiança de cada personagem e extrair dele a matéria-prima de um filme real. Fez sua pós-graduação em Política e Relações Internacionais, é voluntária de ONGs que apoiam e promovem a integração de refugiados no Brasil e também pianista.

A Oktopus é cúmplice da verdade por trás de cada história. Respeita os personagens, seus dramas e o que entendemos como “palavra”; não negocia condições éticas eventualmente estabelecidas entre equipe e entrevistado. E é pautada pelo desejo de que o real seja cada vez mais próximo do justo. Ainda que pra isso seja preciso quebrar regras.

contato

komodo_300.jpg
Name *
Name